domingo, 25 de julho de 2010

*Blogger em Fase de Instalação





Prezados amigos.
Meu Blogger ainda está em fase de instalação.


Além das páginas adicionadas, muitas ainda serão inclusas tais como: tipos, indicações terapêuticas e aplicações de frutas, verduras e legumes.
*Alimentos nocivos ao organismo.
*Plantas e ervas nocivas ao organismo.
*Pesquisas científicas de vários segmentos.
*Verdades e mentiras sobre os medicamentos alopátas.
*Verdades e mentiras sobre os produtos sintéticos.
*Pesquisas de diversas curas através do uso dos fitoterápicos.
*Pesquisas científicas sobre doenças, produtos modificados geneticamente, medicamentos que matam.
*Terapia Ortomolecular.
*Músicas para relaxar.
....e muito mais.


Obrigado
Achiles Holanda





*MEU GRANDE PROPÓSITO



UMA VIDA SAUDÁVEL E NATURAL

Tem por finalidade divulgar e orientar quanto a uma alimentação natural como também,  o tratamento de vários males através dos alimentos naturais.
Hoje, a ciência  da alimentação prova através das pesquisas e de estudos, a existência da relação entre a saúde e a  alimentação,  pois uma alimentação natural além de conservar a saúde, tem propriedades curativas.
Em resumo, nos somos o que comemos!
O controle do sal, das gorduras e a eliminação de alguns hábitos alimentares, poderão alem de prolongar a vida das pessoas, ajudá-los na proteção contra varias doenças  ajudando no tratamento de vários males que assombram os homens de nosso século.
Cada fruto, folha ou raiz tem muitas vezes por trás de sabores suaves, adocicados e amargos, a cura de várias enfermidades que muitas vezes o próprio homem desconhece. São milhares de sabores e aromas que foram colocados propositadamente na natureza para ajudar o homem na cura de seus males.
Mudando a alimentação, abriremos caminho para um processo de cura no organismo enfermo e preparando o corpo para uma condição de vida saudável.
Desde longa data, a Fitoterapia é estudada pelos meios científicos e tem comprovado que, o uso correto dos alimentos naturais é a fonte da longevidade assim como na Terapia Ortomolecular que aliando o tipo sangüíneo  ao alimento restabelece uma relação de vida saudável, vigorosa e livre de doenças.
Todas as pessoas que tenham algum conhecimento de alimentação e cura através de alimentos naturais  com base em conhecimento e pesquisa, juntem-se a nos onde poderemos ajudar-nos mutuamente a divulgar uma vida saudável e natural.
“O homem só conseguira uma vida plena com saúde e desenvolvimento intelectual quando conseguir respeitar às leis naturais e as leis de Deus”. 

Achiles Holanda

*FRUTOS SECOS - Avelã - Azeitona(Azeite)

Avelã

GÊNERO:  A Avelã , Corylus avellana, é da família das Betuláceas (Abedules).
PRINCIPAIS COMPONENTES: Cálcio, proteínas, gorduras, hidratos de carbono, minerais, celulose, vitamina B1, vitamina C,vitamina B9 (ácido fólico), calorias, caroteno.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Melhora o desempenho da memória, contra a pressão alta, anemias, fortalece os dentes e os ossos, eficaz para prevenir contra a osteoporose, ajuda as células a produzirem energia, importante valor nutricional especialmente na dieta de diabéticos. 



Azeitona (Azeite)

GÊNERO: Oliveira ( Olea europaea).
PRINCIPAIS COMPONENTES: As azeitonas frescas contêm de 25% a 38% de azeite e as dessecadas até 57%, contem proteínas, hidratos de carbono, fibra, potássio, sódio, cálcio, magnésio, ferro, vitamina A. O azeite de oliva é composto de gorduras consistentes ( glicéridos dos ácidos esteárico, palmítico e araquidônico), gorduras fluidas (glicéridos dos ácidos oléico, linólico e outros e de ácidos gordurosos livres, minerais, vitamina A.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: indicado na preparação de alimentos que devem consumir os doentes do fígado, vesícula biliar, aparelho circulatório, estômago, intestino, pele, sistema renal, prisão de ventre, cólicas e para eliminar os cálculos biliares. Na dermatologia emprega-se o azeite no preparo de pomadas. Também se emprega o azeite nas inflamações e irritações das mucosas, especialmente na preparação de instilações e toques nas afecções de nariz, garganta e ouvido.

*FRUTOS SECOS - Sabugueiro - Pistache

Sabugueiro

GÊNERO: O Sabugueiro ( Sambucus migra) pertence à família das Caprifoliáceas.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Nas folhas encontram-se glicósido saburigina-amigdalina ( e emulsina) o que dá lugar a glicose, óleo de amêndoas amargas (benzaldeído) e ácido cianídrico.As flores contém amigdalina, saponinas, óleo essencial e éter. Na casca encontra-se uma resina de efeito drástico e nas bagas pretas encontram-se tirosinas, vitamina A, vitamina D, vitamina C e alta concentração de vitamina B, ácidos: málico, tartárico, valeriânico, tânico, óleo essencial, simburigrina-amigdalina, solina, resinas, hidratos de carbono, glicose e pouca albumina.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Indicado para o aumento de formação de urina, suor e leite. Ação terapêutica em casos de resfriados, rouquidão, tosse, espirros, catarros do peito e bronquial, dores nos molares, nevralgias, dores de ouvidos e de cabeça, inflamação da laringe e da garganta.O cozimento de folhas,raízes, cascas frescas e verdes, atua  energicamente na expulsão de água do organismo e melhora em muito a secreção de sucos gástricos, embora possa provocar facilmente  vômitos quando tomado em grandes doses. A dose diária deve se limitar apenas  a uma xícara com uma colher de sopa de infusão do produto.
Como depurativo do sangue e do organismo, hematopoética, diurética e sudorífera, deve-se usar as bagas na composição de xarope, inflamações do sistema nervoso.
As bagas secas são um excelente remédio contra diarréia, mastigando dez bagas, três vezes por dia. Para um efeito sudorífero, utilizar as flores do sabugueiro, mesmo conteúdo de flor de tília e duas colheres pequenas de suco de limão, tomar a infusão de três a quatro vezes ao dia para uma boa transpiração nos casos de gripe, resfriados, pneumonias incipientes, bronquite, reumatismo articular febril, etc.




Pistache

GÊNERO: Pistacia vera, pertence à família da Anacardiaceae.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Cálcio, cobre, ferro, magnésio, fósforo, potássio, selênio e vitaminas A, B-1 e B-6, zinco.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Auxiliar na  produção de hormônio, bom funcionamento cerebral,  rico em fibra e em gordura monoinsaturada, que ajuda no aumento dos níveis do bom colesterol. O pistache tem, também, elementos que ajudam as células a produzir energia e que atuam na produção de hemoglobina, que transporta oxigênio ao sangue, além de auxiliar na reparação e cicatrização de feridas, por conta do zinco presente na fruta. 




*FRUTOS SECOS - Arandos - Arandos encarnados

Arandos

GÊNERO: Conhecida também como Erva do Monte (Vaccinium myrtillus) pertence à família das Eriáceas. Os frutos maduros são de cor azul escura brilhante e o suco violeta escuro.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Nas folhas encontramos tanino, ácido málico, ácido cítrico e glicose. Nos frutos além dos componentes anteriores encontra-se também, pectina, glicósido, corante mirtilina, vitamina A, vitamina C, vitamina B.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Todo tipo de diarréia, atua diretamente em todo tubo intestinal produzindo efeitos antissépticos e antiinflamatórios. É notável sua ação bactericida e de inibição do crescimento sobre culturas bacteriológicas puras. Os colibacilos causa principal da diarréia fermentada, podem tornar-se inócuos dentro do prazo de vinte e quatro horas.
A força curativa dos Arandos devido o seu conteúdo de sulfa é de vital importância no combate e cura das infecções colibacilares dos intestinais e diarréia de verão. Seu uso pode ser através do suco, conserva, frutos frescos, ou frutos secos. Em todos os processos de fermentação ou de putrefação intestinal acompanhado de diarréia, faz do Arandos muito bem apreciado pelas crianças, como também no tratamento de lombrigas e de parasitas intestinais. O meio fácil de cura é alimenta-se exclusivamente de arandos crus ou ligeiramente cozidos durante três  dias consecutivos.  Nas pessoas  saudáveis,  os arandos  frescos  comidos com leite e mel provocam a secreção das glândulas gástricas e intestinais, sobretudo do pâncreas. As folhas em pó ou em infusão pode completar o regime no caso de diabetes ligeiros e nos casos em que é conveniente poupar a insulina. Externamente, o suco de arandos cozido cura eczemas, assim como a sicose da barba e as feridas e as cicatrizes de cura difícil nos diabéticos.




Arandos encarnados

GÊNERO: Arandos Encarnados (Vaccinium vitis idaea) é da família das Eriáceas. 
PRINCIPAIS COMPONENTES: Encontram-se em suas folhas a arbutina, metilartubina, ericolina e tanino, nos bagos contem muitos ácidos de tanino e outros orgânicos.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: As folhas do arandos encarnados têm ação curativa devido o seu conteúdo de arbutina e metilarbutina em casos de inflamações dos rins e da vesícula. Os bagos espremidos em forma de suco é altamente benéfico nos casos de febre e devido seu alto teor de ácido tânico tem várias aplicações em cura inclusive em diarréias.





*FRUTOS SECOS - Juncinha mansa - Nozes

Juncinha mansa

GÊNERO: (Cyperus esculentus), tubérculo de uma ciperácea, que em Portugal também é conhecida por Junça de Comer, Juncinha Avelanada e Chufa.
PRINCIPAIS COMPONENTES: De grande riqueza nutritiva como gordura, proteína bruta, hidratos de carbono,  fibra bruta, féculas, vitaminas em especial H e P e várias enzimas. Seu azeite é um dos melhores de mesa de sabor especial. Possui grande conteúdo de ácidos gordurosos não saturados, sobretudo o ácido linólico de grande valor fisiológico e alimentar.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: diabetes, tem praticamente as mesmas aplicações das nozes.




Nozes

GÊNERO: ( Juglans regia)
PRINCIPAIS COMPONENTES: óleo, gorduras, cálcio, fósforo, potássio, selênio, magnésio, zinco, manganês, proteína, ácidos graxos (linolênico e linoléicos), vitaminas B1, B3, B6, e vitamina E.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Sistema nervoso, cura de problemas cerebrais, diabetes, auxilia na formação dos glóbulos vermelhos, ajudam na cura de ferimentos, fortalece os ossos e dentes e atua contra o envelhecimento das células, reduz o risco de problemas cardíacos reduzindo as taxas de colesterol e a formação de coágulos, tem ação antiinflamatória, fortalece o músculo do coração.
Quem fuma ou vive em cidades poluídas encontra no alimento um grande aliado. Os antioxidantes presentes nas nozes melhoram a resistência pulmonar e reduzem os danos das toxinas inaladas.

*FRUTOS SECOS - Castanha do Pará - Castanha de cajú

CASTANHA DO PARÁ

GÊNERO: Frutos também chamados de Castanhas do Maranhão ( Bertholletia excelsa), pertence à família das Lecitidáceas.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Rica em gorduras mono e poliinsaturadas, selênio, magnésio, fósforo, ferro, potássio, zinco, vitamina E, ômega 3.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Indispensável na desnutrição, na carência de minerais, na anemia e tuberculose, beribéri. Recomendável na alimentação das crianças e das lactantes. Rica em calorias e com grande teor de proteínas, aconselhável aos intelectuais devido seu teor de fósforo e ao trabalhador braçal devido sua riqueza em gorduras. Reduz os níveis do colesterol ruim do sangue (LDL) e aumenta o colesterol bom (HDL).  As oleaginosas ajudam a impedir o desenvolvimento de doenças cardiovasculares, mas também por serem altamente calóricas devem ser usadas com cuidado. Ajuda a evitar a propagação e diminuir a incidência  do câncer, doença do miocárdio, melhora o sistema imunológico, equilibra a atuação dos hormônios da tireóide e é um poderoso antioxidante.



CASTANHA DE CAJÚ

GÊNERO: O Cajueiro, nome científico Anacardium occidentale, da família Anacardiacea, é uma planta originária do norte e nordeste do Brasil.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Rica em carboidratos, proteínas, ferro, cálcio, fósforo, sódio, aminoácidos, inclusive o argimino, que se converte em óxido nítrico, alargando as artérias e diminuindo a pressão sanguínea, controle da pressão arterial, fitoquímicos e fitoesteróis (elementos anticancerígenos), fibras, gorduras monossaturadas que ajuda no aumento dos níveis de HDL.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Controle da pressão arterial, alargando as artérias e diminuindo a pressão sanguínea, ajuda na elevação dos níveis de HDL, diabetes, feridas, infecções da garganta, diarréia, disenterias, baixa o colesterol, triglicérides, frieiras, cansaço dos pés, eczemas, reumatismo, úlceras, verrugas, calosidades, controle do peso.

*FRUTOS SECOS - Amêndoas - Amendoim

AMÊNDOAS

GÊNERO:  A Amêndoa , Amygdalus comuunis, pertence a família das Rosáceas.
PRINCIPAIS COMPONENTES:  Proteinas, gorduras, ácidos gordos não saturados, hidratos de carbono, calorias, vitamina A, vitamina B1, vitamina B2, Ácido nicotínico, ácido pantotênico, vitamina E, vitamina C, cálcio, magnésio, ferro, cobre, manganês, fósforo, enxofre.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Tem praticamente as mesmas aplicações da castanha do Para e das nozes; atua no sistema nervoso, cura de problemas cerebrais, diabetes, auxilia na formação dos glóbulos vermelhos, ajudam na cura de ferimentos, fortalece os ossos e dentes e atua contra o envelhecimento das células, reduz o risco de problemas cardíacos reduzindo as taxas de colesterol e a formação de coágulos, tem ação antiinflamatória, fortalece o músculo do coração.
Quem fuma ou vive em cidades poluídas encontra no alimento um grande aliado. Também grande aliada dos fumantes.



AMENDOIM

GÊNERO:  O Amendoim , Arachis hipógea, é uma planta leguminosa.
PRINCIPAIS COMPONENTES:  Proteínas, gorduras, hidratos de carbono, calorias, vitamina A, vitamina B1, vitamina B2, vitamina E,  ácido nicotínico, cálcio, magnésio, ferro,  manganês, fósforo, zinco, enxofre.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Seus ácidos gordurosos essenciais têm um caráter semelhante ao das vitaminas, imprescindíveis no metabolismo para manter em perfeito estado de saúde a pele e o sistema circulatório, para a defesa contra as infecções no crescimento e para a respiração normal das células.
Altamente nutritivo indicado na prevenção de doenças cardiovasculares, reduz o colesterol e triglicérides, equilibra o metabolismo, fonte de vitamina E.
A pele que envolve o amendoim é rica em resveratrol, um bioativo que também está na casa da uva e tem ação antioxidante.

*FRUTAS - Uva - Zimbro

UVA
GÊNERO:  Em algumas regiões encontra-se a Vitis labrusca ou videira silvestre, a mais consumida tradicionalmente é a Vitis vinifera.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Água, albumina, glicose e outros hidratos de carbono, cremos de tártaro, ácido tartárico e outros ácidos e minerais e calorias.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: O suco da uva é altamente eficaz como depurativo do sangue para a renovação do plasma, na defesa contra o esgotamento orgânico, na anemia e em todas as fases da convalescença, altamente eficaz também no tratamento de problemas do estômago, figado, intestino e principalmente doenças do trato circulatório. O fruto deve ser comido com casca e sementes principalmente para regular o funcionamento dos intestinos.




ZIMBRO
GÊNERO: Juniperus communis
PRINCIPAIS COMPONENTES:  Açucar invertido, gorduras, resinas, pectina, ácidos orgânicos, juniperina ( glicósido que tem tanino) inosita, pentosanas, um importante óleo essencial que contém terebenteno, canfenol, terpineol, juniperina e outros alcalóides.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: O fruto do Zimbro são indicados para problemas de ordem digestiva, problemas nos rins e na bexiga(dificuldade para urinar, etc). O fruto, quando maduro, tem propriedades anti-sépticas, diuréticas e tônicas. Infusão dos galhos e folhas são usados como xampú anti-caspa; também pode ser usado como repelente de insetos. Usado também para aromatizar bebidas alcóolicas(gin) e na culinária como tempero.
Asma, acidez, bronquite, ciática, digestiva, doenças da pela, mau hálito, reumatismo, problemas das vias urinárias.

*FRUTAS - Sapoti - Tâmara

SAPOTI
GÊNERO: O Sapotizeiro (Achras sapola,L)
PRINCIPAIS COMPONENTES: Vitamina A, vitamina B1, vitamina B2, vitamina B5, vitamina C, calorias, hidratos de carbono, cálcio, fósforo e ferro.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS:  No tratamento da litíase vesical e diurética (sementes trituradas) -  adstringente,  tônica e contra a febre (casca).




TÂMARA
GÊNERO: As palmeiras de tâmaras (Phoenix Dactylifera)
PRINCIPAIS COMPONENTES:  As tâmaras contem: proteínas, gorduras, hidratos de carbono, calorias, vitamina A, vitamina B1, vitamina B2, vitamina C, ácido nicotínico e açúcar.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS:  De grande valor dietético devido seu elevado conteúdo de sacarose, fibras e celulose.  Indicada como remédio nas doenças intestinais e do estomago que decorrem com inapetência, nas alterações funcionais do fígado e nos processos patológicos das células hepáticas, nas anemias e na prisão de ventre. Não deve ser utilizada nos casos de diabetes, obesidade e doenças gástricas que decorrem com hipercloridria.

*FRUTAS - Pinha - Romã

PINHA
GÊNERO: Também conhecida com outros nomes, ata, condessa, etc., é o fruto da Annona squamosa, árvore da família das anonáceas, a mesma dos araticuns, originária das Antilhas.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Vitamina C, vitamina B1, vitamina B2, vitamina B5, vitamina K,  importantes no metabolismo das proteínas, carboidratos e gorduras, açucar.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Importante na formação dos ossos especialmente às gestantes, eficaz nos processos antiinflamatórios e cicatrizantes, propriedades anti-sépticas e adstringentes com compostos de fenólicos.




ROMÃ
GÊNERO:  A romãzeira (Punica  Granatum) pertence à família das Mirtáceas.
Usado para tratamento terapêutico antes de Cristo onde era mencionado no Egito,
na passagem de Moises durante a sua peregrinação pelo deserto. Já Hipócrates (460-377 A.C.) empregava o suco das romãs como estomacal nos enfermos febricitantes.
PRINCIPAIS COMPONENTES:  A romã contem:  proteínas, sódio, gorduras, potássio, hidratos de carbono, cálcio, vitamina B2, água, magnésio, vitamina C, calorias, manganês, e ferro. A romã é um dos alimentos mais ricos em vitamina B2 e manganês. O manganês é um elemento fundamental e necessário ao organismo humano para a formação de diversos fermentos.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS:  A romã é indicada para todas as alterações do metabolismo dos fermentos.
Indicada nas dietas juntamente com os alimentos mais ricos em manganês tais como: aveia, cevada, centeio, arroz integral, milho, soja, sementes verdes, feijão, ervilhas e lentilhas. Pelo seu alto teor de vitamina B2 desempenha um papel importante na carência desta vitamina.
As flores da romã podem ser usadas como infusões contra diarréia e a leucorréia. A casca do fruto emprega-se como adstringente e antihelmintico. Da casca também se obtêm uma substância corante empregada para tingir tapetes orientais.
A parte externa da raiz é utilizada na farmacopéia austríaca , alemã e suíça como enérgico tenífugo de ação contra vermes vulgares como também contra a Dibothriocephalus Latus. A casca da romã contém também quatro alcalóides que pode provocar paralisia central generalizada cujos primeiros sintomas são: alterações visuais, vertigens e vômitos.  Entre seus componentes, contem uma grande quantidade de glucósidos adstringentes  que podem com facilidade produzir prisão de ventre.  A casca da raiz, do tronco e dos ramos é muito ativa contra as tênias intestinais. O uso destes componentes devem ser administrados com muito cuidado e de preferência com orientação médica.


*FRUTAS - Pêra - Pêssego

PÊRA
GENERO: A Pêra é o fruto (na verdade pseudofruto)comestível da pereira, uma árvore do gênero  Pyrus L., família Rosaceae, e uma das mais importantes frutas de regiões temperadas.
PRINCIPAIS COMPONENTES:  Contém cálcio,  magnésio, potássio,  ácido fosfórico,  silício, enxofre,  óxido de ferro, vitamina B1, vitamina B2,  vitamina C, hidratos de carbono e pectina.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS:  Pelo elevado teor de potássio e falta de sal é muito apropriada para eliminar os inchaços dermatosos nos doentes do aparelho circulatório e dos rins.  Super ativa na eliminação das gorduras tão nocivas ao organismo consumidas cruas ou cozidas  em substituição dos alimentos tradicionais.




PÊSSEGO
GÊNERO:  O pessegueiro (Prumuis Persica) pertence à família das rosáceas  procedente  do norte da China.
PRINCIPAIS COMPONENTES:  De princípios nutritivos e calóricos semelhantes ao damasco o pêssego contem: proteínas, gorduras vegetais, hidratos de carbono, calorias, vitamina A, B1, B2, C e PP.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Indicado para doentes do coração, sendo também um bom remédio contra gota; drenam os canais hepáticos e biliares, são de grande valor na prisão de ventre crônica exercendo também uma ação favorável nas inflamações agudas dos rins.
O ácido cianídrico contido nos caroços do pêssego é usado na medicina natural como remédio curativo nas estases pulmonares, especialmente na denominada “tosse cardíaca”. Na homeopatia, o ácido cianídrico é utilizado no tratamento das falhas do coração e colapsos graves, assim como falhas dos capilares sanguineos ou dos nervos vasomotores.

*FRUTAS - Nêspera - Pequí

NÊSPERA
Ameixa Amarela
GÊNERO: A Nespereira (Eriobotrya japonica)é uma espécie vegetal da subfamília Maloideae da família das Rosaceaes. É também chamada de ameixa-amarela..
Fruto de sabor agradável doce e ácido. As variedades cultivadas são as de frutos grandes e conforme as formas chamam-se nêspera-pera ou nêspera-maça.
PRINCIPAIS COMPONENTES:  A popa contem proteínas,  hidrocarbonatos,  açúcares,  celulose,  calorias, água e cinzas.  Totalmente isenta de gorduras.
Contem também  pectina, tanino, ácido cítrico, ácido málico,  ácido tartárico,  e pequena  quantidade de ácido bórico.  As sementes contem até 2,5% de gorduras.
O conteúdo de tanino e pectina justifica o seu efeito antidiarréico e regulador do intestino, assim como adstringente  e  tonificador da flora intestinal.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Propriedades dietéticas, atua como diurético e exerce nos catarros intestinais ação enérgica antiinflamatória regulando a flora intestinal.
Tratamento de cura:  1 quilo de nêsperas frescas,  mel  e água.
Em uma vasilha própria, colocar 500 ml de água, colocar 1 quilo de nêsperas frescas e limpas sem sementes, adoçar com mel a gosto e levar ao fogo. Cozinhar durante 45 minutos. Passar em uma peneira fina para que dê uma forma de xarope.
Colocar em um recipiente de vidro devidamente esterilizado, conservar em um lugar fresco e tomar durante  bom tempo 20cm3 do xarope em jejum.



PEQUÍ
GÊNERO: O Pequi (Caryocar brasiliense;  Caryocaraceae) é uma árvore nativa do cerrado  brasileiro, cujo fruto, é muito utilizado na cozinha nordestina, do centro-oeste e norte de Minas Gerais.
PRINCIPAIS COMPONENTES: Vitamina A, vitamina, C, vitamina E, betacarotenóides (antioxidantes), fósforo, potássio, magnésio, ácidos graxos insaturados.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Redução dos radicais livres, doenças cardiovasculares, auxiliar no tratamento do câncer, protegendo as células dos efeitos colaterais das drogas usadas no tratamento de câncer, mesmo cozido ou congelado preserva todos os nutrientes.

*FRUTAS - Morango - Melão

MORANGO
GÊNERO : O morango silvestre (Fragaria vesca) faz parte da família das Rosáceas e tem vários nomes.
PRINCIPAIS COMPONENTES:   As folhas contem tanino e óleo essencial com citral. O fruto contem ácidos de frutas, pigmentos, substâncias aromáticas, ácidos gordurosos, enzimas, fermentos, secretinas e vitaminas.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS:  As folhas são indicadas nas inflamações e catarros das vias respiratórias superiores e das digestivas  e no combate a diarréia crônica. A raiz em cozimento é diurética e adstringente.
Os frutos são estimulantes do apetite. Pelos pigmentos,  pelos elementos não digeríveis e pelos ácidos de fruta, atuam no intestino, assim como as enzimas, os fermentos, as vitaminas e as secretinas, facilitando a digestão.
O morango contem ácido salicílico indicado nos casos de reumatismo articular e na gota. Uma dieta diária de morangos é altamente eficaz na prisão de ventre, hemorróidas, estase da circulação, reumatismo articular, gota, doenças dos rins, perturbações circulatórias , doenças hepáticas e excelente no tratamento das pedras na bexiga.
O fruto pode provocar irritação e ardor na pele(urticária). Tal efeito provem que o intestino esta lesionado e permeável a um tipo de albumina (protease) que, quando se introduz no sangue provoca tais reações. Nestes casos a pessoa deve procurar tratamento medico, suprimir o uso de morangos até cura total do mal.
Como produto de beleza juntamente com o suco de limão são eficas no tratamento das sardas.




MELÃO
GÊNERO:   O melão (Cucumis melo) é procedente da Asia e da África e pertence a família das Cucurbitáceas.
PRINCIPAIS COMPONENTES:   Contém proteínas, gorduras, hidratos de carbono, água, sódio, potássio, cálcio, magnésio, ferro, as vitaminas A, B1, B2,  C, e ácido nicotínico.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS: Indicado   nas   enfermidades   renais   e    no
combate a cálculos renais, hepatoprotetor , auxilia a visão e na cicatrização de ferimentos. Elimina coágulos nas veias, toxinas do organismo e combate o mau hálito. As semente são indicadas nas febres, menstruações difíceis, complicações uterinas e nas anemias. As sementes e as raízes são empregadas como vomitórios pelo seu alto teor de emetina.

*FRUTAS - Marmelo - Melancia

MARMELO
GÊNERO:   O marmeleiro (Cydonia vulgaris) é da família das Rsáceas, chegaram até nos através da Grécia e da Itália.
PRINCIPAIS COMPONENTES:  Rico em pectina, tanino e substâncias gelatinosas.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS:   Adstringente, fortificante do aparelho digestivo. Indicado nas diarréias, inflamações das mucosas, como, por exemplo, a traquéia, os brônquios e o estômago. As folhas em infusão são indicadas para o tratamento da asma. As folhas amassadas em cataplasma aplica-se em contusões, fraturas, luxações e hematomas.
Com a semente do marmelo (Semen cydonieae) de produz uma valiosa geléia vegetal eficaz nas inflamações da faringe e dos brônquios.
Para o tratamento nos catarros da faringe e dos brônquios; cozer 5 g de sementes de marmelo triturados em água e misturando com xarope de malvaísco e tomar 3 vezes ao dia.




MELANCIA
GÊNERO:    Família das Cucurbitáceas, a melancia (Cucúrbita citrullus), é originária da Índia.
PRINCIPAIS COMPONENTES:   Contém fósforo, cálcio, ferro, calorias, proteínas, gorduras, hidratos de carbono e as vitaminas A, B1, B2, B5 e C.
APLICAÇÕES TERAPÊUTICAS:  Diurética, e levemente laxante. Indicada nos casos de ascites e nas obstruções renais. Elimina o ácido úrico, atua também nos casos de artrite, reumatismo, acidez estomacal, dispepsia, enfermidades dos rins e da bexiga.
Usada externamente, a polpa e a casca trituradas, através de cataplasma ou em sucos para aplicação em erisipela. O suco da melancia e bastante eficaz nos casos de febre e dores abdominais. As sementes trituradas acalmam as dores produzidas por ferimentos, além de reduzirem a hipertensão arterial.